Vislumbrar o mundo através dos olhos de uma criança

Ver: (verbo) o ato de olhar para alguma coisa, considerar algo de uma maneira particular
Uma criança pode ensinar um adulto três coisas: ser feliz sem motivo, estar sempre ocupado com algo e saber como demanda com toda a força que ele deseja. – Paulo Coelho
Estou certo de que muitos de vocês estão ou em vias de paternidade, tornando-se um avô ou talvez uma tia ou tio ou quem é nomeado para tomar conta dos pequenos recém-chegados ao círculo familiar ou amigo.
Tudo é novo, tudo é fresco, é estimulante, movendo-se, desafiadora e livre de julgamento ou crítica.

Basta assistir-lhes a vida experiência e ver como eles tomam prazer absoluto nas menores coisas:
Vemos o perigo dos balanços – alguém vai cair e se machucar; deleitam com o vento em seu rosto ea sensação de um lado para outro.

Vemos ervas daninhas no jardim: eles vêem flores bonitas que eles querem dar à mãe para fazê-la sorrir.

Vemos insetos sujos que mordem e zero: eles vêem interessantes rastreamento coisas que precisam ser trazidos e colocar em uma caixa ao lado de sua cama para manter a segurança.

Nós ouvir música e não se atrevem a cantar junto, porque não podemos prender um tune: eles cantam em voz alta com gosto e aproveitar o momento, dança e não se importar com quem vê ou ouve.

Vemos pessoas sujas pobres na rua e ir embora: eles param e sorriso, não se importando se eles estão sujos ou mal cheiroso.

Vemos armários vazios e estresse: eles têm prazer em torradas e sopa.
Pergunto-me quantos de nós realmente ver o potencial em pequenas coisas?

Será que tirar o máximo de cada situação, e aproveitar a vida? Ou temos sido tão pré-programado pela sociedade que não podemos ver as coisas boas da vida, porque queremos ser outra pessoa?

Não negamos a nós mesmos pequenos prazeres porque estamos ocupados demais, ou muito velho, muito jovem, tarde demais, muito cedo, muito cansado, muito gordo, muito magro, o “tempo” não é certo? Eu poderia continuar e continuar. Parece haver uma desculpa para cada idéia.
Você já olhou para o céu hoje?

Ou você apenas vê o asfalto como você dirigia para o trabalho esta manhã? Você viu as folhas de giro cor e quão bonito eles são quando eles caem no chão? Ou você apenas notar que o vento é mais frio e agora à noite você precisa de outro cobertor? Como você vê a vida realmente?
Pergunto-me se são dadas as crianças para ensinar, ou para aprender.
Como sempre, congratulo-me com os seus comentários! Por favor pop em meu site em www.thoughtfortheweekend.com
Amor e luz
Judy