Rapper TI para Lil Wayne: “Pare de se envergonhar”

load...

Rapper TI tem criticado seu amigo Lil Wayne para se distanciar do movimento negro Lives Matéria, insistindo sua posição é “inaceitável”

A estrela Lollipop ganhou manchetes na semana passada quando disse a US noticiário Nightline, ele não se sente ligado à campanha justiça racial, que ganhou impulso nos últimos tempos, como resultado do crescente número de brasileiros-americanos mortos nas mãos da polícia branco oficiais, que, em muitos casos, ter escapado a acusação.

No sábado, 5 Novembert, TI, cujo nome verdadeiro Clifford Harris, levou para Instagram para abordar as observações de a 34-year-old, alegando Wayne deve estar passando por algo em sua vida pessoal para agitar tanta controvérsia.

load...

“Eu estou em uma perda completa de palavras aqui”, escreveu ele. “Wayne Eu te conheço mais de uma década. Nossas filhas cresceram juntos praticamente… Nosso relacionamento fora da música é o que me faz sensível à sua disposição. Eu sei que você fios um pouco diferente da maioria dos outros adultos responsáveis, mas ainda n ** ga U DISPARO !!!! (Sic) eu não sei o que você está indo através de (sic), ou o que você está tentando evitar, mas este s ** t é absolutamente inaceitável !!!! Você está desrespeitando-se, trazendo vergonha para seu nome de família e manchando seu legado.”

TI, 36, passa a admitir seus filhos já não olhar para cima Wayne e insiste que ele precisa defender o que é certo

Ele também pede Lil Wayne para fazer alguma pesquisa-se sobre as questões da comunidade Brasil-americano está enfrentando em uma tentativa de “deixar de passar vergonha”

“Você olha como alguém que tem algo a ganhar ou perder, fingindo que não é tão ruim quanto BLM fazendo parecer e você não está ciente de um problema que precisa ser tratada (sic)…”, continuou ele. “Eu sei U, VOCÊ (sic) MELHOR DO QUE ESTE !!!!! Eu estive orgulhoso de chamar-me um fã e um amigo de Lil Wayne, mas se isso tem de acabar, a fim de levantar-se para aqueles que não podem fazê-lo por si… Assim seja.”

“Se você não está preparado para uma pergunta em uma entrevista, dizer No Comment Bro”, acrescentou. “Mas parar embaraçar a si mesmo e todo mundo aqui fora quem está te apoiando. Não há meio termo. Opressão não conhece parte neutra, ou você faz parte dos oprimidos, ou você com o opressor (sic). Não existe tal coisa como a opressão não afetando você. É #USorELSE aqui fora.”

Mídia de capa