Ficando juntos por causa das crianças?

Muitos casais que encontram seu casamento sobre as rochas irá decidir colocá-lo para fora ‘para o bem das crianças, mas é esta a decisão certa – para você e seus filhos?

Ficar juntos por causa das crianças é um processo de pensamento comum

É difícil pensar em estilhaçando mundo do seu filho por dividir a única casa que eu já conheci. Mas é ficar juntos quando você não está mais feliz realmente no melhor interesse do seu filho?

As crianças precisam de um ambiente de amor e carinho

O que as crianças precisam para prosperar e crescer não é simplesmente uma casa com uma mãe e um pai presente, mas sim uma casa que é amoroso e estimulante.

Mesmo que você nunca lutar na frente de seus filhos, isso não significa que eles não estão cientes de que você está infeliz

Aquelas vozes levantadas pode levar do outro quarto, e as crianças também podem pegar em sinais mais sutis, tais como linguagem corporal ou respostas excessivamente emocionais a situações comuns, cotidianas. As possibilidades são, eles vão saber que nem tudo está bem com vocês dois.

Assim que eles pegar em que vibe, sendo as crianças, que são susceptíveis de tanto pânico ou ficar triste com a perspectiva de sua vida familiar feliz não ser mais feliz ou, ainda mais prejudicial, comece a se culpar por isso acontecendo.

Eles podem pensar que, se fossem apenas mais comportados do que talvez mamãe e papai não seria tão infeliz.

Claro, isso não é verdade, mas você não pode controlar a resposta emocional do seu filho

E expondo-os a um ambiente tenso, irritado e difícil a cada dia só vai piorar a situação. Você pode até mesmo ver o seu filho desenvolver problemas comportamentais do seu / sua própria.

Se de repente eles estão agindo fora, jogando birras ou tornar-se retirado, é provável que ele é em resposta direta a seus problemas conjugais.

Mesmo se suas intenções são boas, ficar juntos quando seu casamento está falhando pode realmente ser a pior coisa que você pode fazer por seus filhos. Se você realmente não pode trabalhar através de suas diferenças e já não pode tolerar estar juntos, melhor apenas morder a bala e separado.

Pode soar duro, mas será mais fácil para as crianças a se aclimatar a duas casas separadas, mas pacíficas, do que tentar viver em um infeliz.

Uma vez que você dividir, é importante que, não importa quão difícil seu relacionamento tornou-se, você manter uma frente única, de apoio ao lidar com seus filhos. Você não tem que permanecer em uma relação de compromisso com o outro, mas você vai sempre ser ligado como pais para os seus filhos e a melhor coisa que você pode fazer por eles é permanecer, pais saudáveis ​​e produtivas.

O fim de um casamento nunca é fácil, especialmente quando há crianças envolvidas, mas você tem que enfrentá-lo de frente e considerar o que é realmente melhor para as crianças.

De alguma forma, você precisa encontrar um terreno comum, onde pode tudo ser mais feliz e mais estável, como uma família, mesmo que isso signifique ir suas maneiras separadas como um casal.