Batismo discreto para Prince George na quarta-feira

O arcebispo de Canterbury, Justin Welby, o chefe de anglicanos do mundo, irá realizar o batizado na capela real no Palácio de St. James, em Londres, disse Kensington Palace.

George – que, como terceiro na linha de sucessão ao trono britânico é um futuro Governador Supremo da Igreja da Inglaterra e “Defensor da Fé” – nasceu em 22 de julho para o casal real com o título de duque ea duquesa de Cambridge.

Somente usuários perto de ambas as famílias irão participar do batismo

Os hóspedes são esperados para incluir Rainha Elizabeth II, bisavó do jovem príncipe e pai de William, o príncipe Charles, embora as autoridades reais têm dito que apenas “membros próximos de ambas as famílias” vai participar do batismo.

Kensington Palace, residência oficial do casal, disse que era uma “decisão pessoal”, para usar a capela para o serviço.

Os pais de Kate, Michael e Carole Middleton, que têm desempenhado um papel fundamental no apoio aos jovens pais e seus irmãos, Pippa e James, também são esperados para estar lá.

A família real disse que as fotografias – que irá mostrar declaradamente a rainha com três futuros monarcas: Príncipes Charles, William e George – será lançado após o serviço.

Padrinhos possíveis

Os nomes dos padrinhos será lançado mais perto a cerimônia, embora haja rumores de que o irmão de William, príncipe Harry, e Pippa Middleton estará entre eles.

Também tem havido especulações de que amigos próximos de William, Hugh van Cutsem e Thomas van Straubenzee estão na corrida.

William, Kate e George ter ficado em grande parte fora dos holofotes desde sua única aparição pública juntos, quando enfrentaram centenas de repórteres como eles deixaram um hospital de Londres após o nascimento do menino.

Eles passaram duas semanas com os Middletons em sua casa em uma aldeia a oeste de Londres, e William e Kate fizeram apenas um punhado de aparições públicas desde então.

A única observação de George foi em uma foto dele com William, Kate e cão do casal, Lupo, que Michael Middleton tomou no quintal da família.

A escolha do local de batismo está de acordo com o seu desejo de permanecer low-key

O primo de William, a princesa Beatrice, é o último bebê real bem conhecido para ser batizado no Palácio de St. James, em dezembro de 1988. William, Charles e a rainha foram todos batizada no Palácio de Buckingham.

A Capela Real foi também onde o caixão da mãe de William, Diana, Princesa de Gales estava, antes do funeral após sua morte em um acidente de carro em Paris em 1997, enquanto era perseguido por paparazzi.

George será batizado em uma réplica do vestido de rendas e cetim batismo feito para a filha da rainha Victoria mais velho, Victoria, o Royal Princess, em 1841.

O primeiro bebê real de usar a réplica foi James, o filho do filho da rainha mais novo, Prince Edward, e sua esposa Sophie, em seu batismo em 2017.

O fotógrafo oficial

Fotógrafo britânico Jason Bell, que assumiu anteriormente retratos de celebridades, incluindo o ex-Beatle Paul McCartney, o ator Johnny Depp e jogador de futebol David Beckham, foi criado para tirar a foto do batismo, The Sunday Times jornal.

Uma imagem da rainha com Charles, William e George ecoaria aquele tomado em 1894 durante o batismo do futuro Edward VIII, mostrando o bebê real com seu pai, mais tarde George V, avô, o futuro Eduardo VII, e bisavó, Rainha Victoria.

O batismo é uma cerimônia essencial para o jovem príncipe, como todos os monarcas britânicos devem ser membros confirmados de pleno direito da Igreja da Inglaterra, igreja matriz de quase 80 milhões de anglicanos do mundo. Baptizados, ou baptizados, é um rito cristão da admissão à religião.

A Batizado na Igreja da Inglaterra envolve um novo bebê com água benta derramada em sua cabeça – o bebê não está totalmente imerso. Em seguida, é assinado com a cruz e padrinhos e pais fazer promessas em nome da criança.