5 passos para uma comunicação mais eficaz

A comunicação não é uma troca de uma forma onde você simplesmente transmitir a sua mensagem para outro. É a partilha mútua de informações, transferindo-o de um lugar para outro. A comunicação pode ser verbal, não-verbal, escrita, ou pelo uso de recursos visuais, como gráficos ou tabelas. A comunicação é um processo que envolve um remetente, uma mensagem e um receptor. Má comunicação pode resultar em sua mensagem ser mal interpretado, mal interpretado, ou ser completamente ignorado. Uma comunicação eficaz pode melhorar a qualidade do seu negócio e as relações sociais, resultando em menos conflito e tempo mais produtivo e gratificante passou com os outros.

Vamos explorar formas de melhorar a comunicação com mais detalhes …

 

1. Não subestime o poder de comunicação não-verbal

A pesquisa conduzida pelo Dr. Albert Mehrabian, professor emérito em Psicologia na Universidade da Califórnia, descobriu que apenas 7 por cento de uma mensagem é transmitida por palavras, enquanto 93 por cento é transmitida por meio de comunicação não-verbal (55 por cento através de linguagem corporal e de 38 por cento via tom de voz). Por exemplo, se uma pessoa sussurra “eu te amo”, mantendo o seu cônjuge e olhando em seus olhos a mensagem é drasticamente diferente de uma pessoa caminhando para longe, bufando e gritando em uma voz irritada, “eu te amo?” Linguagem corporal eo tom são consideradas formas mais honestos de comunicação.

mídias sociais, como Facebook, Twitter e sites de namoro podem representar sérios problemas de comunicação como eles dependem exclusivamente de comunicação escrita. Mesmo o telefone é uma fonte mais confiável de comunicação, pois ele pode transmitir do chamador sexo, nacionalidade, educação e humor. A internet tornou-se um lugar lucrativo para os predadores para se esconder, criando perfis falsos, alterando a sua idade ou sexo com o clique de um botão. Eles podem fazer isso porque a internet usa a comunicação mais ineficaz possível, que da mensagem verbal em forma escrita.

2. Preste atenção

No mundo agitado de hoje muitas vezes é difícil de se comunicar sem algum tipo de distração. Se você quer se comunicar de forma eficaz você precisará desligar a televisão, arrumar seu telefone iPod e celular e levar seus telefones cabeça. A pessoa que recebe a mensagem terá de fazer o mesmo. Desta forma, você pode se concentrar sobre o que e como você quer dizer alguma coisa. Então preste atenção em como a outra pessoa responde a sua mensagem.

O que faz a sua linguagem corporal dizer? eles estão chateados? Feliz? Será que eles encolhem os ombros? Esta informação irá ajudá-lo a avaliar se deve ou não a sua mensagem veio através como pretendido. eles estão prestando atenção ou olhando para os seus pés? Como sobre a sua expressão facial ou a tensão do corpo? Não parece que eles estão prestes a gritar com você?

3. Prática Escuta Ativa

Ouvir é a habilidade mais importante na comunicação mas a maioria das pessoas não são bons nisso. Na verdade a pesquisa mostrou que lembrar apenas 25 a 50 por cento do que ouvimos. Praticando a escuta ativa pode ajudar a reforçar esta habilidade. Esta técnica transmite que você se preocupa com a resposta da outra pessoa, estão prestando atenção e estão realmente ouvindo o que eles têm a dizer.

A escuta ativa envolve dar a outra pessoa o seu foco indiviso, mantendo contato visual, permitindo-lhes terminar o que eles estão dizendo, sem julgamento ou interrupção, tomando nota das suas mensagens não-verbais, e parafraseando ou repetindo de volta para eles o que acabo de dizer. Usando esta técnica você está fazendo um esforço concentrado para ouvir não só as palavras, mas a mensagem completa sendo enviado.

4. Conteúdo vs. Contexto

O conteúdo é a mensagem que deseja transmitir. Contexto é o que dá sentido à nossa mensagem. As pessoas precisam ter significado para o que ouvem, a fim de fazer sentido da mensagem, mas se nenhum for, desde que fazer a sua própria.

Por exemplo, se você fosse para receber um telefonema de um homem dizendo que ele quer atirar e explodir sua casa, seu primeiro instinto seria chamar a polícia. Se o homem se identificou pela primeira vez como um fotógrafo de uma revista de decoração para casa a sua reação teria sido completamente diferente!

5. Diga o nome da outra pessoa

O nome de um indivíduo é uma das palavras mais emocionalmente poderosas para eles. Nossos nomes foram programadas para dentro de nós desde a infância. Portanto, abordando uma pessoa pelo nome cria um vínculo automático e familiar.

Você tem que ter cuidado como você diz seu nome e se a resolvê-los por seu primeiro nome, o primeiro eo último, ou por um título (ou seja, o Sr., Sra, ou Ms., ou Miss). Se você disser o seu nome de forma positiva pode criar emoções positivas que os fazem se sentir bem, e eles vão confiar e respeitá-lo em um nível subconsciente, sem saber por quê.

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *